terça-feira, 22 de junho de 2010

Londres em protesto

A região do Big Ben, do Parlamento Inglês, em Londres é muito mais do que uma simples zona turística. Mais que gente andando de um lado para o outro com máquinas fotográficas, comprando lembrancinhas, artistas de rua ganhando seu dinheiro, filas para os monumentos e atrações locais, a área é também palco de manifestações das mais diversas. Talvez pela localização de um prédio de poder do Estado, talvez pela grande circulação de pessoas do mundo todo, seja porque for, o fato é que causas sociais, ambientais, guerra, paz, homem, natureza, tudo em causa, tudo em voga, tudo exposto, tudo questionado naquele espaço. Uma das praças bem ao lado do parlamento abriga um acampamento, barracas com gente revoltada pela Faixa de Gaza, contra o capitalismo, a favor do movimento gay, tudo ao mesmo tempo. Neste mesmo ambiente, nações são representadas por bandeiras fincadas entre faixas e barracas. Claro, a brasileira estava lá.


O protesto mais curioso que vi foi um passeio ciclístico. Não, não era como aqueles em que a comunidade participa apenas pra socializar, gente de capacetes e joelheiras, roupa colada ao corpo ou boné e camiseta de propaganda. Se tratava do "The World Naked Bike Ride", cujo objetivo era protestar contra o uso excessivo de carros, a "dependência" e a "cultura" de veículos automotores. Para isso, os participantes celebravam o uso da bicicleta como meio de transporte e também o culto ao corpo, seu movimento. Assim, todos pedalavam nus, sem roupa, apenas com ornamentos ou corpos pintados com os mais diversos motes. O objetivo de chamar atenção foi atingido, não sei se pela causa, acho que mais pelo meio. O pedal dos peladões fez rir e chocar muita gente por ali. Por alguns instantes as câmeras de viraram do Big Ben para o protesto, no mínimo, curioso. Vale a pena conferir o vídeo. E a quem interessar o site do movimento é este, constava no folheto explicativo que recebi: www.wnbr.org.uk

video

2 comentários:

  1. Ah, aqui na Paulista tem todo ano um protesto deste, dizem que começou quando uma ciclista foi atropelada perto do Masp. O fato é que reúne muita gente, ativistas ou não, e impressiona pelas belas bundas que fazem um monte de marmanjo desejar ser o selim, como poetisou Raimundos. Já outras recebem apoio para uma internvenção policial, de tão feias RSRS Por falar nisso, aqui em São Paulo, quem ousou tirar tudo foi em cana. E aí na terra dos Beatles, alguém pegou cadeia por mostrar tudo?!
    E Você, mana, arrumou uma bicicletinha?! rsrs
    Beijão

    ResponderExcluir
  2. AEEEE GLAUCIÃO!!!
    VOU FAZER UM POST NADA A VER, MAS...

    É NOIS NO BOLÃO!!!!!!!!!!
    Vc pegou a reta e ultrapassou todo mundo!

    huaeuheauhhuaeuheahu

    ResponderExcluir