domingo, 2 de maio de 2010

Água no chopp do Benfica

O Benfica veio fechado, o empate garantia o título aos encarnados. No primeiro tempo, poucos lances de perigo dos visitantes, uma bola na trave e nada mais. Os donos da casa foram mais perigosos, foram para cima, ao Porto o jogo tinha valor moral de ganhar do maior rival português. Além da rivalidade futebolística, em Porto x Benfica, sempre está em campo a rivalidade regional Norte x Sul, respectivamente. Mas o jogo foi brigado, muita raça dos portistas que abriram o placar no final da primeira etapa. Foi o suficiente para deixar ainda mais eufórico o estádio do Dragão.

A segunda etapa começou ainda mais quente, e em um ataque do Porto, o dragão Fucile foi expulso. Logo em seguida, o Benfica empatou e parecia que, enfim, começaria a festa benfiquista. Parecia...Mesmo com dez, os portistas foram para cima, viraram e fizeram 3 a 1. O Benfica ainda mantém as mão na taça, contra o Rio Ave, na Luz, semana que vem, precisa apenas de um pontinho, ou nem isso, caso o Braga, segundo colocado não vença. O jogo de hoje foi clássico, aqueles grandes jogos, de grandes emoções, clima tenso nas arquibancadas. Valeu por ser um Porto x Benfica, com a rivalidade aumentada pelas confusões ao longo do Campeonato Português e pela hipótese de rival ganhar o título na casa do rival. O vídeo abaixo mostra os instantes finais da partida e a vibração portista como se fosse título. Para uma temporada de decepções, foi mesmo como uma taça.


Nenhum comentário:

Postar um comentário